Archive for dezembro, 2006

ODE À 8º CONFERÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE
20 ANOS DEPOIS, CEM ANOS À FRENTE.

NOS MEADOS DA DÉCADA DE 80
DESTRANCANDO OS PORTÔES DA DITADURA
QUATRO MIL MILITANTES DA SAÚDE
COM UM ATO DE AMOR E DE BRAVURA
FORJARAM UM BRASIL MUITO DIFERENTE
MAIS BONITO NA TELA E NA MOLDURA.

UM PAÍS EM QUE SE PENSA EM TODA GENTE
UM BRASIL DE UM POVO DESTEMIDO
SEM MEDO DE LUTAR POR SEUS DIREITOS
CUMPRIDOR DOS DEVERES E AGUERRIDO
ROMPENDO COM OS MEDOSE PRECONCEITOS
OCUPANDO ESPAÇOS TÃO NEGADOS.

NAS IGREJAS, NAS PRAÇAS E SINDICATOS.
NOS SERTÕES E NA PRÓPRIA ACADÊMIA
ERA O POVO FALANDO EM CADA CANTO
ERA O MEDO VENCIDO PELO ENCANTO
DE TODO POVO DIZENDOO QUE SOFRIA
REPRIMIDO POR MAIS DE VINTE ANOS

A LIBERDADE SONHADA FOI SOMADA
A SAUDÁVEL REFORMA SANITÁRIA
QUE BUSCAVA NO HOMEM UM CIDADÃO
SEM O QUAL A SAÚDE NÃO É NADA
TER SAÚDE NÃO É SENTIR SÃO
POIS SAÚDE É PODER E LIBERDADE

A OITAVA ACOLHIA E REUNIA
O NORDESTRE E O SUL COM AS DIFERÊNÇAS
O CENTRO-OESTE E O NORTE AO MESMO TEMPO
O SUDESTE, AS CORES E TODAS AS CRENÇAS.
PELA PRIMEIRA VEZ NA NOSSA HISTÓRIA
DEIXAMOS DE LADO AS DESAVENÇAS

UM MOMENTO DE GOZO E DE VITÓRIA
E COM A CALMA CHEGAR AO RESULTADO
ONDE TODOS QUERIAM CONTEÚDO
POIS QUEM TRAZ TUDO ISSO NA MEMÓRIA
NÃO SE ESQUECE QUE TUDO FOI VOTADO
14 HORAS A MAIS DO QUE O PROGRAMADO

O QUE ANTES PARECIA SÓ UM SONHO
SE TRANSFORMARA PURA REALIDADE
NÃO SONHADO SOZINHO, MAS POR TODOS,
OS LEGITIMOS DONOS DA VERDADE
POIS QUEM PAGA É O DONO DO QUE COMPRA
ISTO NÃO É DESRESPEITO, NEM VAIDADE.

PASSARAM-SE EXATOS VINTE ANOS
DE UM MARCO TÃO ÍMPAR EM IMPORTÂNCIA
NÃO SE ESQUECE E ESTÁ SEMPRE NA LEMBRANÇA
PARA UM FUTURO ETERNO E SEM ENGANOS.
E TAMBÉM NÃO SE ESQUECE O QUE FEZ.
DEZESSETE DO TRÊS DE OITENTA E SEIS.

Paulo Roberto Venâncio de Carvalho
Eterno Defensor da Reforma Sanitária
Secretário Geral do Conselho Municipal de Saúde/BH

dezembro 22, 2006 at 6:33 pm Deixe um comentário

FARMÁCIA POPULAR: VOCÊ SABIA QUE PAGA DUAS VEZES?

O Movimento da Reforma Sanitária, obteve na década de 80 uma das maiores vitórias sociais do século XX, garantir na Constituição de 1988, no capítulo VIII da Ordem Social e na Seção II referente à Saúde, definir no artigo 196 que: “A SAÚDE É DIREITO DE TODOS E DEVER DO ESTADO, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação.”
Em tempos de barbárie é público e notório que direitos como o da saúde, garantido em lei, são atacados diariamente das mais diversas formas pela mídia, pela iniciativa privada, por governantes descomprometidos com o interesse da maioria, etc.
O Programa de Extensão da Farmácia Popular é um dos maiores exemplos desse tipo de “ataque”, onde medicamentos que por direito deveriam ser distribuídos gratuitamente nas unidades de saúde do SUS, são vendidos em Farmácias e Drogarias com alguns descontos, só que, para título de informação, esses descontos não são pagos ou “bancados” por essas Farmácias, e sim pelo Governo Federal, ou seja, o SEU dinheiro, recolhido através de impostos e taxas, que deveria ser usado para garantir o SEU acesso a medicamentos, é usado para subvencionar a compra de medicamentos por VOCÊ, usuário do SUS, trocando em miúdos, você compra, mesmo com desconto, o que já foi comprado com o SEU dinheiro.
Diante desse “ataque” me pergunto: Cadê o órgão colegiado que “defende” o direito dos usuários e usuárias do SUS? Afinal, na teoria o Conselho Municipal de Saúde existe, e na prática? Será que esse órgão não deveria, ao menos se manifestar em relação a mais esse ataque a um direito fundamental, o da saúde?
Em minha matemática básica, o Programa de Extensão da Farmácia Popular não passa de uma maneira de pagar novamente o que você já pagou. Por isso, exija seu medicamento nas Unidades de Saúde do SUS do seu município, afinal, SAÚDE É DIREITO DE TODOS E DEVER DO ESTADO OU NÃO É?

Homero Filho
Farmacêutico

dezembro 14, 2006 at 12:50 am Deixe um comentário

Seminário: Lutar pelo SUS é garantir proteção social para todos

“Foram as lutas dos trabalhadores no Brasil, ao longo da história,
que permitiram a conquista legal do Sistema Único de Saúde – SUS, com
seus princípios de atenção integral à saúde para todos e direito da
participação popular na formulação e fiscalização das políticas de
saúde.
O novo arcabouço jurídico inscrito na Constituição de 1988 deu origem
ao SUS e incorporou várias conquistas, fruto desta longa trajetória
de lutas dos movimentos sindical e popular.
Tornar direitos reconhecidos em lei em direito de fato e ir além, são
tarefas de todos aqueles que lutam pela consolidação de um sistema
público de saúde no Brasil.
Os movimentos sindical e popular devem lutar pela ampliação do
espaço público na definição e controle das políticas do Estado, desde
as políticas macroeconômicas até as chamadas “políticas sociais”.
Pautando essa atuação pela postura autônoma e independente, sem se
restringir à lógica da dinâmica institucional dos conselhos e
conferências de saúde.
A defesa da Seguridade Social – Saúde, Previdência e Assistência
Social – assume caráter estratégico para os movimentos dos
trabalhadores.
É fundamental resistir aos ataques do capital contra a Seguridade
Social, entendendo que esta luta não pode se restringir à defesa de
um sistema público de saúde, previdência e assistência social, mas
exige profundas transformações na sociedade que alterem a estrutura
da distribuição de renda, riqueza e poder no país.
Em suma, estão em disputa diferentes projetos políticos de sociedade.”
Resoluções do 4º Congresso do SindSaúde

Objetivo Geral:
Discutir a implementação da política de saúde e traçar estratégias de
luta para o avanço do Sistema Único de Saúde no Paraná.
Publico alvo:
Servidores públicos, entidades sindicais e populares e demais
interessados.
Nº de Vagas: 200
Data: 7 e 8 de dezembro de 2006
Local: Hotel Caravelle, Rua Cruz Machado- 282- Centro- Curitiba
Inscrições: SindSaúde – e-mail sindsaúdepr@brturbo. com.br tel:
33220921

Programação

Dia 07 de dezembro

8.30h – Abertura
9.30h – Conferência “Condicionantes e determinantes do processo de
saúde e doença”
Guilherme Albuquerque – UFPR
10.30h – Intervalo
10.45h – Debate
11.45h – Atividade Cultural
12.15h – Intervalo para almoço
14h – Painel: O Estado brasileiro e as políticas de saúde”
Manoela de Carvalho – UNIOESTE
Vitor Moreschi

15h – Debates
16.15h – Intervalo

16.30h – “Os Movimentos Sociais e a luta pelo SUS”
Marcos Armando Pereira – Fórum Popular de Saúde
Silvia Albertini – SindSaúde

17.30h – Debate

18.30h – Atividade Cultural

Dia 8 de dezembro de 2006

8.30h – “As políticas de desconstrução do SUS no Paraná – O avanço
da terceirização e a falta de financiamento público para a saúde”
Dr. Marco Antonio Teixeira – Ministério Público Estadual -Promotoria
de Defesa da Saúde Pública
SindSaúde

10.15 – Debates

11.30h – Atividade Cultural

12.30h – Intervalo para almoço

14h – Painel: Os trabalhadores da saúde na luta pelo SUS.
Irineu Messias de Araújo – representante da Confederação
Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS);
Elizabeth Garzuze da Silva Araújo – UFPR
SindSaúde

15h – Debate
16.30h – Confraternizaçã o – 18 anos do SindSaúde – Show ” Viento Sur”

dezembro 6, 2006 at 9:11 pm Deixe um comentário

Prestação de Contas do mês de Novembro, Gestão Instinto Coletivo
Como sou o tesoureiro tentarei colocar todos os meses a prestação de contas.

Novembro
Início R$985,00
(-)moletons R$840,00
(-)dvds pa dvdTeka R$33,00
(-)impressão R$3,00
(-)Churrascoverdurada R$350,00
(+)moletons R$107,00
(+)recebimento de dívidas antigas R$112,00
(+)churrascoverdurada R$254,00
(+)rifa mesa p-pong R$76,00
Saldo R$308,00
a receber de devedores da antiga gestão R$58,20

O que pretendemos fazer com o dinheiro:Comprar outro computador, arrumar os armários,material para os calouros(mochilas,gardapó e etc), comprar material de escritório e conquistar o mundo

Por favor contribua sempre pagando o armário e a semestralidade em dia, compre um moleton(afinal estamos no inverno).
qualquer dúvida é só escrever.
Obs: a churrascoverdurada não deu prejuizo pois temos bastante cerveja guardada

dezembro 5, 2006 at 11:31 am Deixe um comentário


Tópicos recentes

Blog Stats

  • 79,812 hits

Você está no Blog do Centro Acadêmico de FArmácia da UFPR

Essa é nossa ferramenta de comunicação. Divulgação de atividades, cursos, manifestações, encontros, estágios e festas. Essa é a entidade de luta e expressão dos estudantes de farmácia da UFPR.

"Acreditar em algo e não o viver é desonesto" Gandhi.

Creative Commons License

Esse sítio está licenciado sob uma Licença Creative Commons.

dezembro 2006
D S T Q Q S S
« nov   jan »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31